Um bebé recém-nascido, que precisava de cuidados médicos disponíveis no Continente, foi transportado ontem de urgência pela Força Aérea. Para tal, duas aeronaves, um C-295M da Esquadra 502 – “Elefantes”, de alerta na Base Aérea N.º 4 (BA4), Lajes, e um Falcon 50, da Esquadra 504 – “Linces”, de alerta no Aeródromo de Manobra N.º 1 (AT1), Lisboa, foram empenhados nesta missão.

Pelas 16h21, a tripulação de alerta do avião C-295M presente nos Açores descolou da ilha Terceira para a ilha do Faial para realizar o transporte médico de três doentes com destino às Lajes, um dos quais o bebé recém-nascido, de apenas um dia. Os outros dois doentes, um ficou na ilha Terceira, enquanto o outro seria transportado pelo C-295M para Ponta Delgada, em São Miguel.

Para agilizar a missão de transporte do bebé recém-nascido para o Continente, ao mesmo tempo, o Falcon 50, da Esquadra 504 – “Linces”, levantava voo do AT1,  com destino às Lajes.

Assim que aterrou nas Lajes, pelas 20h30, o bebé recém-nascido e um outro doente embarcaram no Falcon 50 com destino a Lisboa.

A bordo com os “Linces”, e de modo a garantir todos os cuidados médicos durante a viagem, seguiu uma equipa médica militar da Força Aérea.

À chegada a Lisboa, o bebé foi imediatamente transferido por uma equipa de transporte inter-hospitalar pediátrico do INEM.

A aeronave aterrou em Lisboa às 22h30, numa missão que contou com quatro horas e trinta minutos de voo.

Fonte: Emfa.pt

Fotografia: Emfa.pt

(Visited 10 times, 1 visits today)