As origens da Esquadra 502- “Elefantes” remontam a 24 de janeiro de 1955, na altura ainda denominada Esquadra 32.

Os “Elefantes” executam missões de transporte aéreo-geral, transporte aéreo-tático, apoio logístico, vigilância marítima, busca e salvamento, evacuações aeromédicas, lançamento de tropas aerotransportadas, lançamento de carga aérea e transporte de altas entidades.

Equipada com o C-295M, aeronave que se destaca pela sua versatilidade e autonomia considerável para permanecer em voo durante várias horas, tem uma performance de excelência em pistas curtas e não preparadas, revelando-se uma enorme mais-valia, sobretudo no apoio à população das ilhas açorianas.

Dividida por quatros secções, a de voo, manutenção, reconhecimento e vigilância aérea, a esquadra é composta por 120 militares, responsáveis por garantir um alerta permanente no Continente e arquipélagos. 

No vídeo, o Tenente Miguel Quintas, piloto na Esquadra 502, conta-nos tudo sobre esta importante esquadra da Força Aérea, reconhecendo o sentimento de dever cumprido e sentimento de superação das dificuldades com que se vão deparando.

Fonte: Emfa.pt

Fotografia: Emfa.pt

(Visited 28 times, 1 visits today)