O atual surto pandémico por COVID-19 desencadeou uma situação de emergência de saúde pública de âmbito internacional, obrigando à adoção de medidas que previnam e limitem a propagação da infeção e otimizem os recursos disponíveis, materiais e humanos.

O Governo dos Açores implementou medidas na chegada à região, realização de teste COVID-19, neste sentido o Centro de Saúde Base Aérea N.º 4 (BA4), Lajes, em parceria com a Unidade de Saúde Ilha Terceira e após receber formação dos Enfermeiros desta Unidade iniciou, autonomamente, os despistes no dia 7 de julho.

O processo de colheita inicia-se muito antes do dia da colheita em si, os sacos com material de colheita são etiquetados com a identificação do passageiro, é impressa a requisição que acompanha a amostra que será enviada para o Serviço Especializado de Epidemiologia e Biologia Molecular de Angra Heroísmo (SEEBMO).

No dia da colheita a equipa é constituída por três elementos, Enfermeiro com Equipamento de Proteção Individual (EPI) completo que realiza a colheita, Médico com EPI apoia o enfermeiro na colheita, Socorrista na vertente administrativa, após as colheitas a caixa térmica com as amostras é transportada pelo condutor da Secção Transportes BA4 para o SEEBMO.

No final realizam-se os procedimentos de desinfeção em equipa, apoiando o camarada durante a remoção do EPI, de modo a garantir a sua proteção.

Fonte: Emfa.pt

Fotografia: Emfa.pt

(Visited 23 times, 1 visits today)