O Aérodromo de Manobra  N.º 1, situado em Ovar, acolheu, de 14 a 16 de outubro, mais uma edição do exercício de busca e salvamento, em ambiente terrestre, MORSA.

Este exercício é coordenado pelo Centro de Busca e Salvamento de Lisboa, coadjuvado pelo Centro de Busca e Salvamento de Madrid, e tem como objetivo testar, reajustar e consolidar procedimentos no âmbito do Serviço de Busca e Salvamento entre Estados adjacentes, no caso, Portugal e Espanha.  

O cenário do exercício simula a queda de duas aeronaves de combate a incêndios, numa área situada entre Viseu e Guarda.

O MORSA 2019 reúne várias entidades, das quais se destacam a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, o Instituto Nacional de Emergência Médica, o Núcleo de Evacuações Aeromédicas da Direção de Saúde da FAP e os Bombeiros Voluntários de Fornos de Algodres e Aguiar da Beira. 

O exercício conta com a participação de vários meios aéreos, nomeadamente o C-295M da Esquadra 502 – “Elefantes”, o EH101 Merlin da Esquadra 751 – “Pumas” e o AW119 MKII – “KOALA” da Esquadra 552 – “Zangões”.  

Fonte: emfa.pt

Fotografia: emfa.pt

(Visited 2 times, 1 visits today)