A Força Aérea efetuou, na madrugada de 21 de março, uma missão que consistiu no transporte de 35 militares e material de sobrevivência para dar apoio às vítimas do Ciclone Idai, em Moçambique.

A missão ficou a cargo da Esquadra 501 – ‘Bisontes’, que opera a aeronave C-130H.

A bordo da aeronave seguiram 35 militares da Força Aérea, Marinha, Exército e GNR.

Já na madrugada seguinte, uma segunda aeronave C-130H da Força Aérea foi ativada para efetuar o transporte de elementos civis, que vão prestar ajuda na cidade da Beira, bem como mais material de sobrevivência.